Xenônio Xe. Gás incolor, inodoro pertencente ao grupo dos gases nobres da Tabela Periódica. Z = 54; configuração eletrônica: [Kr]4d105s25p6; MA = 131,30; d = 5,887g.L-1; PF = -111,9ºC; PE = -107,1ºC. Está presente na atmosfera (0,00087%) e é extraído por destilação do ar líquido. Tem nove isótopos naturais com números de massa 124, 126, 128 a 132, 134 e 136. Também são conhecidos sete isótopos radioativos. O elemento é usado em lâmpadas fluorescentes. O xenônio líquido, no estado supercrítico a altas temperaturas, é usado como solvente para espectroscopia no infravermelho e em reações químicas. O elemento foi descoberto em 1898 por Ramsey e Travers.
    No início da década de 1960 Neil Bartlett estudou as propriedades do hexafluoreto de platina, um agente oxidante extremamente poderoso capaz de oxidar a molécula de O2. Ele isolou o produto da reação:

O2 + PtF6 O2+[PtF6]-

    Bartlett observou que a primeira energia de ionização do O2, de 1180 kJ.mol-1 = 12,2 eV, é muito próxima da primeira energia de ionização do Xe (1170 kJ.mol-1 = 12,1 eV). Além disso os tamanhos dos cátions O2+ e Xe+ são próximos e os valores calculados das energias liberadas durante a formação das estruturas cristalinas dos sais sólidos também são próximos. A semelhança de tamanho permitiria que o Xe+ ocupasse o lugar do O2+ na estrutura do sólido.
    Bartlett misturou xenônio e hexafluoreto de platina e obteve um sólido que ele supôs ser Xe+[PtF6]-. Verificou depois que havia obtido misturas de Xe[PtF6] + Xe[PtF6]2 , Xe[PtF6]x (1< x < 2), FXe+[PtF6]- + FXe+[Pt2F11]-. O composto Xe+[PtF6]- só pode ser isolado na presença de excesso de SF6 que atua como diluente.
    Apesar das enormes dificuldades experimentais estas reações ocorrem e foram bem caracterizadas, derrubando o mito da não reatividade dos gases nobres.
    O composto Xe+PtF6- foi, então, o primeiro composto de gás nobre sintetizado. Vários outros compostos de xenônio já são conhecidos como XeF2, XeF4, XeSiF6, XeO2F2 e XeO3. Também já foram isolados compostos contendo ligações xenônio – carbono como [C6H5Xe][B(C6H5)3F] que é estável em condições normais.